Camelo

Oi Modeletes,
Como vocês estão? Eu estou super bem, apesar de algumas coisas que andam acontecendo na minha vida pessoal, mas não vou deixar abater, né!

Camelo! Eis a palavra do inverno que com certeza você já viu nas principais revistas de moda brasileiras e também em alguns sites. Todo mundo agora só fala neste bendito tom do pantone que invadiu o guarda-roupa.

Para quem não sabe, o nome camelo veio do famoso casaco trench chamado: Camel coat, que é mais ou menos um mantô com casaco que os estilistas mais espertos resolveram ampliar o camel e fazer tudo com o tom, que não é nude nem marrom.

Semana passada fui num brechó bem próximo do meu trabalho e encontrei um cardigã camelo da Lacoste, bem vintage (sim, ele tem mais de 20 anos no mercado) e comprei sem dó nem piedade. Uma por que eu adoro a Lacoste, não tinha nada no tom camelo e outra que tinha muito preconceito com os cardigãs (por achar que não ficava legal no meu corpo, por eu ter ombros largos…bobagem), claro que usei a peça todos os dias da semana.

Acho esse tom de creme misturado com mel (camelo) incrível. A Hermès, Chlòe e o Salvatore Ferragamo estão viciadas no tom e a maioria das roupas ficam incríveis no camelo. Eu super aconselho vocês modeletes a comprar. Separei uma imagem incrível para inspirar!

Amanhã é sexta! Dia de estreiar o tom camelo, ok?
beijos

Anúncios

Sim, estamos no futuro

Olá Modeletes,

Estava um tempinho sem fazer textinhos né. Vamos botar a mão na massa!
Entre os dias 28 de abril e 29 de maio, Pierre Cardin terá uma exposição incrível dentro do shopping Iguatemi em São Paulo, sua expo irá chamar: “Pierre Cardin – Criando Moda Revolucionando Costumes”. No dia 26 de abril, o estilista fará um desfile aqui em São Paulo também.

Eu adorei a ideia, por que Pierre Cardin é um dos poucos estilistas da era Chanel, Dior, Schiaparelli que foi contra a corrente do feminino, das formas e do chic, transformando  sua mulher num ser espacial. Muitas formas, ora redonda, com acabamentos de couro negro e capacetes simulando os anos 2000 (que para o estilista, estaríamos todos com roupas de latéx e indo viajar de férias para Saturno, rsrs)

Algumas fotos inspiração:

Claro que vou comparecer e tentar fazer fotos tá!
#mudandodeassunto: Hoje foi o melhor dia da minha vida…conto depois se tudo dar certo!

beijos

PB – Como usar preto e branco no dia-a-dia!


Lembro uma vez que entrevistei uma consultora de moda para uma matéria sobre looks de festa. Perguntei o que seria inadmissível usar em um lugar festivo e ela me disse: “- Preto e branco”. Logo depois veio a resposta: ” – Você irá ser confundida com o garçom da festa!”.

Em termos fiquei pensando que seria verdade, uma vez que o traje dos funcionários que cuidam de uma festa, normalmente é preto e branco, mas depende muito do que você está usando, do tecido da roupa, acessórios e tudo mais, não é?

Eu acho lindo o uso de preto e branco. Me lembra Chanel dos anos 20, quando a estilista se apaixonou por um marinheiro usando blusa listrada, logo roubou e usou, por fim: tendência.

No dia-a-dia invernal (sei que em São Paulo às 9h30 da manhã o termômetro marca 35°) faça um look monocromático, meio anos 90 com o PB. Em festas acho super usável, uma vez que você fique atento ao tecido, aos acessórios e a performance do lugar.

Separei algumas imagens de referência para vocês modeletes!

No dia-a-dia…seja no inverno ou verão!

Use no verão sim! Uma boa t-shirt e saia preta já é sucesso!

No entra e sai dos desfiles sempre aparece alguém usando PB

Coco Rocha desfilando para Sonia Rykiel montada no PB…é antiguinha mais vale!

Desfile André Lima inverno 2011 – PB na festa sim senhor!

A minha deusa Anja Rubik só no preto e branco – detalhe para a bolsa!